IMG_5131_edited.jpg

ARQUITETURA PARA CÃES & GATOS

O Arquitetura para CÃES & GATOS é um projeto que iniciou no ano de 2020 durante o período de isolamento social gerado pela pandemia da Covid-19. Sem dúvida, esse marco mundial gerou muita reflexão e sensibilização com relação à fragilidade do mundo em que vivemos. A necessidade de afeto e companheirismo levou muitas pessoas a adotarem animais de estimação. Havia tempo para cuidar e ensinar, momento ideal para concretizar o desejo de ter um companheiro de quatro patas. Nesse momento, Elvira foi adotada e serviu como inspiração para o primeiro projeto da Arquitetura para CÃES & GATOS, um castelo de papelão.

O CASTELO COMO INSPIRAÇÃO

O castelo de papelão foi projetado pensando nos hábitos de um filhote de 5 meses. Elvira cresceu e junto dela muitas reformas e ampliações precisaram ser feitas para acompanhar as novas fases da sua vida. O tamanho das portas foi aumentado e algumas caixas foram substituídas por outras, pois seus dentes e garras destruíam os cantos das caixas durante as brincadeiras e o tamanho das portas não dava conta do seu porte que aumenta um pouco mais todo mês.  

O castelo de papelão desencadeou inúmeras ideias sobre uma arquitetura pensada para nossos bichinhos. Não existe arquitetura para eles, nossos animais vivem conforme as escolhas dos seus donos e em uma arquitetura feita para os humanos. Uma boa casinha precisa considerar os hábitos, a fisiologia, o instinto e a escala dos nossos bichinhos. Uma casa para um cão com pernas curtas, por exemplo, deve ter poucos desníveis para ele conseguir entrar e sair com facilidade. Além disso, é preciso pensar em materiais que sejam resistentes ao instinto de usar os dentes e às garras, mas que sejam confortáveis e macios ao mesmo tempo. A facilidade de limpeza e manutenção também é importante, pois alguns animais são mais propensos a expelir odores característicos. Essas e diversas outras características devem estar contempladas em um bom projeto de uma casinha.

DO CASTELO DE PAPELÃO PARA O BALAIO

Toda essa experiência e aprendizado vivido com o castelo, despertou uma pesquisa incessante sobre materiais e tipologias formais de uma arquitetura pensada para nossos bichinhos. Neste momento, o carpete e os botões de pressão entraram em cena. Diversos protótipos em escala reduzida e tamanho real foram projetados, construídos e testados pela dupla. Muitos deram errados, mas serviram de subsídio para os próximos. Foi 1 ano inteiro de pesquisa e desenvolvimento do produto até chegar em nosso melhor, O BALAIO.

 

O nome da marca também não foi fácil. Procuramos em diversas referências algo novo, original, que transmitisse identidade para os bichinhos que utilizam. Nosso imaginário viajou para longe daqui diversas vezes, para ao fim voltar e chegar aonde sempre estivemos, o nosso país, o Brasil. Buscamos na cultura brasileira, referências vinculadas ao nosso propósito: ser muito mais que uma casinha para animais de estimação. Trabalhamos com a desconstrução de terminologias e a releitura de abrigos tradicionais utilizados por animais domésticos. Foi assim que surgiu a marca Balaio de Gato e o seu primeiro produto, O BALAIO.

IMG_6854.JPG